De MEI para ME: planejamento estratégico para crescimento

Quero prosperar como MEI

Artigo - 9 de novembro de 2021

Por Sebrae-SP 

O planejamento estratégico é uma grande oportunidade para construir, rever ou desenvolver a análise da realidade de um negócio. Essa análise deve ser crítica, coerente, completa, inteira, sistemática e compreensível, de forma que gere confiança, segurança e clareza ao objetivo da empresa no mercado. Quando esse objetivo é o crescimento e a mudança de MEI para ME, o planejamento estratégico é uma etapa essencial.

Se você é MEI e está em dúvida se deve evoluir o seu negócio para ME e como pode fazer isso, este conteúdo vai te ajudar. Veja, a seguir, qual é o momento certo de considerar essa mudança e quais são os passos para crescer de MEI (Microempreendedor Individual) para ME (Microempresa) de forma correta, sem riscos para a sua empresa. 

Quando mudar de MEI para ME?

O MEI é um tipo de sociedade que tem tributação reduzida e deve seguir algumas regras, por isso, em alguns casos, o crescimento para ME é obrigatório. As situações que obrigam a mudança de MEI para ME são:

– faturamento que ultrapassa o limite de R$ 81 mil por ano;

– necessidade de contratar mais funcionários (já que como MEI só é possível contratar um);

– necessidade de incluir um novo sócio na empresa;

– oportunidade de exercer novas atividades que não são permitidas ao MEI.

Além disso, também é possível fazer a alteração de MEI para ME caso você queira expandir o seu negócio. Essa alteração pode ser feita a qualquer momento, ou seja, não é preciso esperar ter um rendimento maior do que o estabelecido aos microempreendedores para fazer a mudança para microempresa.

Seja qual for o motivo da mudança, é necessário solicitar o desenquadramento no Portal do Simples Nacional e registrar o desenquadramento na Junta Comercial do seu estado, apresentando a Comunicação de Desenquadramento, o Formulário de Desenquadramento e o requerimento do empresário. Depois disso, também é preciso ficar atento às mudanças no cálculo dos impostos, pois a sua empresa terá novas obrigações fiscais.

Porém, vamos voltar um pouquinho para o momento anterior à mudança. Antes de solicitar o seu desenquadramento como MEI, é importante pensar de forma estratégica: ter um planejamento para crescer de MEI para ME é essencial. 

Planejamento estratégico para crescimento de MEI para ME

Em qualquer etapa de desenvolvimento de um negócio, o planejamento estratégico é uma ferramenta importante para evitar problemas. Na hora de planejar o seu crescimento de MEI para ME não é diferente. Tomar atitudes precipitadas e sem planejamento pode atrapalhar o crescimento e colocar o seu negócio em risco.

Então, para fazer essa mudança de forma segura e garantir que nada de errado aconteça nesse processo, veja alguns pontos que você deve considerar ao fazer o planejamento estratégico do crescimento da sua empresa.

Organize suas finanças

A mudança de MEI para ME é feita de forma gratuita pelos órgãos públicos, porém é preciso lembrar que, com o crescimento da sua empresa, também crescem as contas mensais e os tributos, que agora serão cobrados de acordo com seu faturamento e setor de atuação. Por isso, é essencial ter as contas da sua empresa em dia ao realizar o desenquadramento de MEI para ME.

Nesse momento, o ideal é fazer um novo planejamento financeiro, com base na sua realidade atual e nos seus objetivos. Em primeiro lugar, avalie a saúde financeira do seu negócio, por meio de informações como o fluxo de caixa, os relatórios de lucratividade e outros documentos contábeis. 

Depois, estude o mercado para entender onde estão as suas oportunidades a partir de agora; afinal, se você terá mais despesas, também vai precisar conquistar mais clientes. Por último, lembre-se que esse planejamento financeiro deve ter um acompanhamento contínuo, ou seja, um controle periódico do que está dando certo e do que precisa ser repensado.

Identifique os pontos fortes e os pontos a melhorar

Nessa etapa, você deve considerar a situação atual do seu negócio e quais pontos são vantajosos ou não para o seu crescimento. Os pontos fortes são aqueles que ajudam sua empresa a alcançar os objetivos desejados, já os pontos a melhorar são os que podem prejudicar o desempenho da empresa e precisam ser repensados. 

Para identificar cada um deles, é preciso olhar para dentro e para fora da sua empresa, ou seja, comece avaliando as características internas do seu negócio e, depois, observe a concorrência e o mercado, já que eles também são importantes para definir o que é bom ou não na sua atuação.

Planeje a contratação de uma equipe

Se você vai mudar de MEI para ME, significa que você não vai mais fazer tudo sozinho e precisará pensar na contratação da sua equipe. Contratar colaboradores pode parecer simples, mas essa etapa também precisa de um bom planejamento, afinal o sucesso do trabalho de uma equipe influencia diretamente o sucesso de uma empresa.

Para que tudo dê certo, tire um tempo para avaliar e definir o que você procura e quais os objetivos dessas contratações. Assim, ao realizar o processo seletivo de colaboradores, será mais fácil escolher as pessoas certas, que se encaixam nas suas estratégias e expectativas. Um bom plano de recrutamento de equipe economiza tempo e dinheiro.

Cresça de MEI para ME com a ajuda do Sebrae

Como você viu, o planejamento estratégico é essencial para o seu crescimento de MEI para ME. E como o objetivo do Sebrae é ajudar você a crescer e ter sucesso em cada etapa da sua carreira empreendedora, temos mais um conteúdo que vai te ajudar na hora de planejar essa mudança.