Formas de pagamento: diversificar pode ser uma boa opção

Quero vender mais

Artigo - 24 de dezembro de 2021

Por Sebrae-SP  | cobrança, Crédito, formas de pagamento, pagamento pix

As formas de pagamento não são apenas um meio para receber o dinheiro dos seus clientes, mas também uma importante maneira de se diferenciar da concorrência.

Oferecer diversos meios de pagamento é uma forma de aumentar a sua carteira de clientes, afinal enquanto alguns clientes vão querer usar cartão de crédito, outros podem preferir o PIX, boleto ou o bom e velho dinheiro vivo.

Por isso, não basta ter bons preços, um produto ou serviço excelente e um atendimento de qualidade: é preciso diversificar as formas de pagamento para atrair clientes e aumentar suas vendas.

Conheça, neste artigo, as principais opções de pagamento e veja como escolher as melhores para o seu negócio.

O que são formas de pagamento

Forma de pagamento nada mais é do que os meios, escolhidos por você, para que seus clientes possam realizar o pagamento pelas suas compras.

O mais tradicional é o dinheiro em espécie, que é aceito em qualquer transação. Por longos anos, os cheques foram utilizados por muitos brasileiros, mas estão ficando cada vez mais raros.

Em compensação, surgiram várias outras formas de pagamento mais seguras e práticas, como os cartões de débito e crédito, transferências bancárias (Pix), entre outras. Com o avanço da tecnologia e as mudanças no perfil do consumidor, a tendência é que os meios de pagamento evoluam ainda mais.

Por exemplo, atualmente já é possível pagar por uma compra aproximando o celular de uma máquina de cartão ou apontando a câmera do celular para um QR Code.

Principais meios de pagamentos no Brasil

Existem diversas formas de pagamentos que podem ser oferecidas aos seus clientes, entre as mais tradicionais até as novidades surgidas recentemente.

Conheça, a seguir, as mais utilizadas no país.

  • Dinheiro: esta ainda é a forma mais tradicional de realizar pagamentos. Apesar do crescimento do uso de cartões nos últimos anos, ainda existem aqueles consumidores que preferem o dinheiro em espécie.
  • Boleto bancário: esta forma de pagamento é muito comum em vendas pela internet. Por meio de um programa de computador, a empresa emite um boleto, que possui código de barras. O cliente, por sua vez, paga o boleto, e o dinheiro é transferido para o negócio em até três dias úteis, descontada a taxa de emissão do boleto.
  • Cheque: muito popular antigamente, o cheque vem sendo cada vez menos utilizado. A vantagem dele para o cliente é o parcelamento de compras com a modalidade pré-datada, além da possibilidade de efetivar o pagamento algum tempo depois da compra, quando o cheque será descontado.
  • Cartão de débito ou crédito: estes são dois dos meios eletrônicos de pagamentos mais utilizados no Brasil. Dentre as vantagens, está a segurança de não se deslocar com grandes quantias. Além disso, o cartão de crédito permite o parcelamento das compras, já o débito permite realizar transações imediatas. Muitos cartões também permitem o acúmulo de pontos que podem ser trocados por produtos ou serviços ou ainda o retorno de dinheiro como desconto em compras, o famoso cashback. 
  • Pix: disponível desde novembro de 2020, o Pix é um sistema de pagamentos e transferências instantâneas desenvolvido pelo Banco Central que funciona 24 horas por dia e 7 dias por semana. Ele funciona como uma transferência bancária, porém é possível enviar e receber dinheiro de qualquer banco e o recurso é gratuito para pessoas físicas.

Vantagens de diversificar as opções de pagamento

Tenho certeza que você conhece alguém que já desistiu de uma compra porque o estabelecimento não aceitava cartão, certo? 

Situações como essa são bastante desanimadoras para o consumidor, que sai frustrado da loja, e para o empreendedor, que perde muitas vendas por não diversificar suas formas de pagamento.

Felizmente, boa parte dos comerciantes já se deu conta de que oferecer diferentes formas de pagamento traz muitos benefícios, principalmente a maquininha de cartão, que atualmente é indispensável para garantir boas vendas.

Independentemente de você realizar vendas em loja física ou pela internet, é essencial se adaptar a essa nova realidade e diversificar ao máximo as formas de pagamento aceitas se quiser atingir um maior público, alavancar suas vendas e garantir seu recebimento.

Quanto mais meios de pagamento você oferecer, melhor será seu grau de diferenciação do concorrente.

Como escolher quais você deve oferecer?

Agora que você conhece as principais formas de pagamento disponíveis no mercado, chegou o momento de analisar quais se encaixam melhor no seu negócio e atendem às necessidades do seu público.

Para começar, você pode fazer uma pesquisa com seus clientes para saber quais eles preferem utilizar e também verificar quais são as opções oferecidas pela sua concorrência.

Depois, dependendo dos meios de pagamento que você pensar em ofertar, é preciso calcular possíveis custos extras e decidir se eles serão repassados ao consumidor, como no caso das taxas dos cartões e boletos.

Para isso, vale fazer um planejamento financeiro e rever os preços dos produtos ou serviços, conforme o impacto dos novos custos. O importante é que as novas formas de pagamento sejam escolhidas de forma estratégica, com base no seu potencial para atrair novos clientes e aumentar suas vendas.

Dica para escolha da máquina de cartão: antes de contratar uma máquina de cartão, pesquise a respeito das taxas e juros entre as opções disponíveis. Uma empresa com uma taxa menor, mesmo que pequena, pode fazer uma grande diferença no seu caixa. Avalie também o prazo para liberação do dinheiro das vendas e as bandeiras de cartões aceitas. Quanto mais bandeiras, melhor!

E lembre-se: uma diversidade maior de meios de pagamento pode ser o diferencial que faz o cliente escolher você em vez do concorrente.

Escolhi as formas de pagamento para o meu negócio, e agora?

É fundamental que seu cliente seja comunicado sobre as formas de pagamento disponíveis no seu estabelecimento. Se você tem uma loja física, pode utilizar cartazes para que as informações sejam vistas por todos.

Caso você tenha algum perfil nas redes, está valendo deixar avisado por lá também!

Esperamos que este artigo tenha ajudado você a escolher as melhores formas de pagamento para o seu negócio. Quer saber mais sobre assuntos ligados a finanças e vendas? Não deixe de continuar lendo o blog do Sebrae.