O que muda com a nova política de privacidade do WhatsApp?

Quero Inovar

Artigo - 15 de janeiro de 2021

Por Sebrae-SP  | política de privacidade, WhatsApp, WhatsApp Business

Em mensagem recente enviado aos usuários, aplicativo de mensagens notificou as mudanças de compartilhamento de informações

A política de privacidade do WhatsApp está passando por mudanças. Para informar isso, os usuários se depararam com uma mensagem explicando quais seriam os novos termos, que deverão ser aceitos até 8 de fevereiro de 2021. Caso não concorde, a plataforma ofereceu até mesmo um tutorial para quem quiser apagar sua conta. Saiba o que muda com essa atualização dos termos do WhatsApp.

Compartilhando informações com o Facebook

Fundado em 2009, o WhatsApp era o produto de uma startup que buscava inovar a forma de comunicação entre as pessoas. Dois anos depois, em 2011, o app já estava entre os 20 mais baixados na loja de aplicativos da Apple. Isso chamou a atenção de Mark Zuckerberg, dono do Facebook, que decidiu comprar o WhatsApp em fevereiro de 2014. Além do aplicativo de mensagens, o Facebook também é dono do Instagram e Messenger.

Toda essa história é importante para a nova política de privacidade do WhatsApp, pois a principal mudança está no fato que agora algumas informações de usuários serão compartilhadas com o Facebook. Isso significa que a rede social de Zuckerberg terá acesso a dados como:

  • Número de telefone cadastrado no aplicativo;
  • Endereço de IP, que é o registro que o celular ou computador usa para acessar a internet;
  • Informações do dispositivo do usuário, como marca e modelo;
  • Dados sobre transações financeiras realizadas através do Facebook Pay;
  • Informações sobre interações no aplicativo, como o uso de grupos e o contato com negócios.

A ideia é que esses dados sejam usados para melhorar a experiência dos usuários, aprimorando não só os sistemas, mas também a segurança, além de auxiliar no desenvolvimento de novas funções para o aplicativo. Atualmente, o WhatsApp testa uma modalidade de carrinho de compras dentro do próprio aplicativo, mas isso ainda está em fase inicial.

O que não irá mudar

Apesar dos novos termos na política de privacidade do WhatsApp, algumas coisas não irão mudar no aplicativo. A principal delas é que a tecnologia de criptografia ponta-a-ponta ainda será utilizada. Isso significa que as trocas de mensagem entre usuários ainda serão protegidas de serem acessadas por hackers ou até mesmo instituições que peçam a quebra do sigilo colocado nessas conversas. A definição é que o compartilhamento de informações com o Facebook será realizado apenas no caso de conversas dos usuários com contas do WhatsApp Business.

Aproveite o início de 2021 para investir em seu marketing digital

Captcha obrigatório

Finalizando o preenchimento do cadastro, você declara estar ciente e aceitar os Termos e Condições de Uso deste site e autoriza o compartilhamento de seus dados com o Sebrae-SP conforme a Lei Geral de Proteção a Dados Pessoais (Lei Nº 13.709, de 14 de agosto de 2018). Acesse e saiba mais.